Empreendedorismo

Tecnologia em Supermercados: entenda como algumas soluções podem otimizar processos

Leandro Mantelli
Escrito por Leandro Mantelli
Comece a montar sua primeira peça para o sucesso

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

O mundo passa por transformações tecnológicas de todos os tipos. Por isso, não há nenhum nicho da economia que não seja afetado por essa situação. Assim, não é surpresa ver o uso cada vez maior da tecnologia em supermercados.

tecnologia em supermercados

É claro que um mercado sempre foi um lugar com relativa tecnologia. Os freezers, por exemplo, são prova disso. No entanto, mais exemplos tecnológicos devem surgir nos mercados dos próximos anos.

Quer saber como as soluções de tecnologia em supermercados podem ajudar a sua vida? Então veja abaixo!

Autoatendimento é uma importante tecnologia em supermercados

Não há cliente que não tenha pego 3 ou 4 produtos em um supermercado, mas teve de esperar por longos minutos na fila do caixa pois tinha um cliente com carrinho cheio na frente.

É por isso que uma das principais tecnologias em supermercados é o caixa de autoatendimento.

O recurso ainda é novidade em muitos lugares do país, embora já seja usado há alguns anos em polos tecnológicos mais destacados, como a cidade de São Paulo.

Na prática, o recurso é uma versão primitiva do Amazon Go, supermercado da Amazon em que não há caixas.

Na versão da gigante do e-commerce, o recurso usa a Internet, uma conta na Amazon e sensores avançados para identificar os produtos e fazer o checkout automático no site.

No entanto, esse tipo de tecnologia ainda é avançada demais e está apenas em fases de testes.

No Brasil, o que vemos é o caixa de autoatendimento, em que o cliente faz o trabalho de registrar os produtos via código de barros e faz o pagamento em cartão sem precisar da ajuda de um funcionário do mercado.

Para muita gente, essa é uma excelente alternativa a ter de pegar as filas e ajuda a tornar a experiência no mercado mais agradável.

Já para o supermercado, é um recurso que ajuda a aumentar a eficiência do atendimento e permite cortar custos, o que ajuda a manter as finanças em dia.

Delivery ganhará mais peso nos próximos anos

A pandemia causada pelo novo coronavírus acelerou um processo que ainda deveria levar algum tempo para acontecer: as compras em massa no supermercado via delivery.

Alguns mercados já contam com a opção de delivery faz tempo, mas o recurso nunca foi muito lucrativo por causa de duas problemáticas.

A primeira delas é o fato de que a adoção nunca foi muito alta, já que as pessoas ainda preferem ir fisicamente ao mercado.

Já a segunda é o custo extra que a ação gera, com veículos e profissionais focados só nessa parte.

No entanto, a onda de aplicativos delivery, como o Rappi Supermercados, e a pandemia permitiram que as duas problemáticas fossem ultrapassadas.

Não só agora as pessoas dão preferência ao delivery, como os custos são praticamente nulos ao mercado já que a estrutura é toda terceirizada.

Por isso, o sucesso dos supermercados em aplicativos de delivery montam um novo cenário futuro, em que mais pessoas farão suas compras pela Internet do que presencialmente.

Assistente inteligente é essencial para melhorar a experiência de compra

Como um supermercado pode superar uma tecnologia específica? Usando mais tecnologia, claro.

O fato do delivery se popularizar faz com que, no geral, menos gente vá no mercado. No entanto, menos gente no supermercado transforma o espaço em apenas um depósito.

Para levar mais pessoas para o supermercado, portanto, é importante investir em tecnologias especiais. Uma boa ideia é o assistente inteligente.

Existem muitos tipos de produtos que é necessário saber escolher para comprar. Um vinho, por exemplo, é assim.

Por isso, muita gente pode não comprar por não saber como escolher.

O assistente inteligente é uma tecnologia que resolve isso ao ajudar os consumidores a escolher os produtos certos pedindo algumas informações para isso.

Basta dizer o tipo de comida que se vai fazer, por exemplo, e o recurso explica qual é o melhor vinho para harmonizar.

Precificação dinâmica é uma útil tecnologia em supermercado

fazendo compras no mercado
Quanto mais à vontade o cliente estiver, maior o ticket

Uma das profissões em risco de extinção em um supermercado é o cartazista. Ele ainda é muito usado atualmente, mas aos poucos começa a ser substituído pelos sinais eletrônicos de preço.

Uma das vantagens da tecnologia é que o preço pode ser alterado com base em fatores específicos e de maneira muito mais ágil.

Por exemplo, suponha que o mercado faz uma pesquisa de campo e percebe que está vendendo o quilo da alcatra a R$40,00, enquanto os seus concorrentes estão vendendo a R$37,00.

Ao usar a precificação dinâmica, basta digitar o novo preço em um computador para que a alteração seja feita na loja (ou em várias lojas, se falarmos de uma franquia).

Além disso, dá até para estabelecer esse processo de maneira automática, usando alguns fatores (como o abastecimento) para alterar o preço dinamicamente.

Essa tecnologia pode até mesmo ser customizada em relação a nichos. Por exemplo, dá para criar diferentes nichos de mercados em supermercados maiores para controlar o preço de forma dinâmica.

Isso significa que dá para alterar o preço das frutas com base no estoque, enquanto o preço na padaria é alterado em relação ao preço dos concorrentes.

E aí, aprendeu como a tecnologia em supermercados pode ser útil? Então compartilhe esse artigo para que mais empresários possam se beneficiar!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.