Empreendedorismo

POP-UP STORE, Uma Alternativa de Negócio Barato e Quase Zero de Risco

Leandro Mantelli
Escrito por Leandro Mantelli
Comece a montar sua primeira peça para o sucesso

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Uma tendência que vem ganhando força no varejo brasileiro, mas bem popular no exterior, são as “Pop-Up Store” (lojas temporárias).

ilustração de mulher negra em frente à sua pop-up store

Sua Loja Temporária tem Nome: PopUp Store

Talvez você precise vender algo que seja muito específico para uma data, como produtos natalinos ou para festas juninas…

Nesse caso, uma loja aberta o ano todo tornaria o negócio inviável, ainda mais dentro de um shopping center.

Mas, então, existe alguma solução, além de um negócio online ou de abrir uma loja na própria casa para esse tipo de comércio? Sim!

O que é uma Pop-Up Store?

Trata-se de um modelo loja temporária, para atender a uma demanda específica e que não se justificaria manter-se aberta o ano todo.

Esse tipo de loja abre por curtos períodos e muitas até se tornam itinerantes reabrindo em diferentes locais.

Segundo Patricia Cavassini, advogada especialista em varejo, essa modalidade de negócio “é uma oportunidade de renda rápida, fácil e sem grandes riscos, pois é tudo temporário”.

Precursora das Pop-Up Store no Brasil

Quem não se lembra do “Mercado Mundo Mix”, famoso na década de 90?

Um espaço descolado, com Djs e gente moderninha entre seu staff, onde abrigava diversas “lojinhas” dentro de um enorme galpão na zona norte de São Paulo?

Fez edições anuais durante algum tempo e ainda levava seu modelo de negócio para outras cidades. Podemos arriscar que o “MMM” foi o percursor das “pop up store” no Brasil.

guia negócio online

E-book Gratuito: Como Criar Seu Negócio Online do Zero! Passo a Passo

Nele você aprende em detalhes o que funciona hoje para ter seu negócio online, mesmo que você seja iniciante e não tenha conhecimento nenhum.

Um exemplo de loja “pop up” é a Casa Futuro Natal, em Belo Horizonte. Ela vende produtos natalinos sempre no mesmo shopping, porém em lojas diferentes somente durante 2 meses no ano.

Quais São as Vantagens de uma Loja Temporária?

Investimento

Loja temporária não paga luva, isso permite que uma marca nova possa entrar em shopping sem um investimento astronômico para ver se vai ter aceitação, por exemplo.

Os quiosques também são bem mais em conta. Colocar uma loja fixa em um shopping, ou em um ambiente de rua valorizado, sempre é muito caro para se correr o risco de errar.

Feedback Imediato do Público Alvo

Você não precisa se utilizar desse modelo de negócio apenas para datas festivas. Essa pode ser uma aposta para descobrir a aceitação de determinado produto pelo público.

E, não só produto, como uma marca, ou uma coleção.

Retorno financeiro rápido, fácil e seguro

Diferente de uma loja tradicional, onde você investe muito tempo e dinheiro em reformas, esse modelo de negócio permite certa informalidade.

Inclusive incentivando sua aplicação em quiosques “descolados” e simples.

A grande maioria desses quiosques são apresentados no modelo monta-desmonta, isso permite que, literalmente da noite para o dia você migre de um shopping para o outro e já inicie seu faturamento.

Ou seja, é a vitória das lojas itinerantes.

Desperta a Atenção e Curiosidade

Muitas marcas “ocupam”seus espaços alguns dias antes com placas e banners criando uma antecipação do que virá.

Assim, no momento que em a loja é aberta já tem um público esperando.

E, se você já tiver a data de encerramento poderá utilizar isso em seu favor criando uma real escassez. Aliás, escassez é uma das principais armas de persuasão utilizadas no Marketing

Patricia ainda lista mais alguns exemplos de lojas “pou-up”:

  • Louloux (boutique de sapatos) – embora a marca já não exista, sua experiência nesse tipo de loja chegou a ser case de sucesso no início da década passada;
  • Pop Up Restaurant (restaurante) – hoje são mais conhecidos como Food Trucks, mas ainda existem em feiras e eventos;
  • BMW – em 2019 foi inaugirada sua primeira loja nesse formato no Brasil;
  • Lacoste – essa icônica marca de roupas também tem sua experiência bem sucedida com esse modelo de negócio.

A experiência de consumo para os consumidores pode ser maior do que em lojas perenes:

  • a expectativa de não se saber ao certo quando o estabelecimento abrirá as portas novamente;
  • a possibilidade de a cada nova abertura, encontrar produtos diferentes e exclusivos;
  • a possibilidade de viver uma experiência que não poderá ser repetida e a chance de conhecer lugares que sempre serão “novidades” e descolados;
  • a possibilidade de preços diferenciados.

Testagem Rápida de uma Ideia

Aos empreendedores ou marcas, a prioridade deste tipo de negócio nem sempre é o lucro.

Isto porque, as lojas “pop-up” podem ser uma forma de verificar a aceitação do produto ou serviço, dentro de um centro de compras já consolidado. Seria como uma forma de “test drive”.

Além do mais, existem algumas vantagens para quem está começando – o baixo custo com as instalações – os equipamentos podem ser alugados pelo período de uso em empresas especializadas e os contratos de locação serem curtos e muitos sem pagamento de luvas.

E, dependendo do sucesso, uma “pop-up” pode tornar-se definitiva ou ter várias edições seguidas.

Cuidados ao Optar por esse Modelo de Negócio

Mas, nem tudo são maravilhas no mundo, e com uma Pop-Up Store não seria diferente.

Apesar da agilidade que esse tipo de loja oferece para seus gestores. Alguns cuidados “tradicionais” precisam ser mantidos e, algumas vezes, redobrados por todos.

Abertura de uma Pop-Up Store

Não adianta você optar por uma loja temporária se o que tiver para oferecer é um produto – e uma experiência – comum. Esse é um modelo de loja que clama por novidades.

Portanto, Avalie se o conceito de Pop-Up Store realmente combina com as estratégias da sua empresa.

Verifique se seus produtos atendem a uma demanda diferenciada, ou se atendem à uma sazonalidade de data.

É muito importante que você ofereça uma experiência inovadora para seus clientes e consumidores, caso contrário, não conseguirá causar o impacto esperado por eles.

E, o que você mais quer com isso, é conseguir o boca-a-boca e o burburinho.

Perfil de Negócio

Lojas temporárias são uma ótima oportunidade para testar produtos. Mas, de nada vai adiantar você entrar de cabeça em algo que você não entende!

Como eu disse antes, você só conseguirá entregar uma experiência inovadora, se conhecer a experiência tradicional.

É muito comum vermos jovens alardeando que vieram para mudar tudo e trazer uma nova visão de mundo…

Mas, quando perguntado o que realmente deseja mudar, geralmente travam e respondem: tudo!

Mas, você só muda o que conhece, senão apenas pode virar um mais do mesmo.

É muito importante que o empresário, ou franqueado, tenha experiência nas operações de uma loja e bastante conhecimento do mercado que atua.

Estrutura de Loja e Negócio

Ofereça um mix de produtos diferenciados e inovadores:

  • Pense que a pop-up store pode lhe ajudar a testar o mercado, portanto, o ideal é propor linhas diferentes de produtos neste ponto de venda.
  • Os produtos tradicionais podem ser mantidos, desde que em menor escala.

Inove no layout e nas experiências com o consumidor:

  • Pense neste ambiente como ideal para você propor novas interações e despertar a atenção dos clientes.
  • Caso não tenha muita ideia ou alternativa, vale recorrer ao entretenimento tradicional como música ao vivo, tecnologias diferenciadas ou serviço de buffet, por exemplo;

Invista em ações de marketing para divulgar o seu negócio e que causem impacto e identificação com seu público:

  • Coquetéis de abertura;
  • Presença de celebridades que estejam relacionadas à cultura da marca;
  • Promoções surpresas para os consumidores que estiverem na loja, entre outras.

Cuidados Essenciais para Qualquer Negócio – Pop-Up Store Incluídas

Treinamento: Nada tem maior poder de matar uma experiência positiva que um atendente que não conhece o produto que vende.

Vivemos uma época em que, literalmente, a informação está ao alcance da mão de seu cliente. Muitas vezes eles já realizam uma pesquisa completa sobre o que desejam antes de sair de casa.

Portanto, treine sua equipe de forma que todos estejam informados sobre os produtos comercializados. Se possível, como esse negócio demanda agilidade, dê preferência aos profissionais que tenham experiência com varejo.

Controle de estoque: Fuja do “acabou” como o diabo foge da cruz. Garanta sempre o abastecimento dos produtos no ponto de venda.

Para isso, projete quanto tempo sua loja ficará aberta e calcule quais produtos irá comercializar.

Lembre-se, às vezes “menos é mais” e garantir que seu cliente irá encontrar o que deseja pode fazer toda a diferença.

Verifique a legislação local: se necessário, busque consultoria especializada.

Já vi casos, e não raros, de lojas que estavam prontas para abrir, mas foram impedidas por detalhes jurídicos que não se atentaram.

A maioria evitada facilmente se o empresário tivesse tomado esses cuidados:

  • CNPJ: o seu que afirma que sia empresa não pode funcionar em dois endereços diferentes?
  • Legislação Trabalhista: qual a orientação para o empresário a respeito de formalizar a transferência dos seus colaboradores, caso eles sejam deslocados da loja fixa para a temporária?
  • Formatação do negócio: qual a orientação aos franqueados quanto a assinarem um aditivo contratual, formalizando o negócio temporário, identificando todos os detalhes envolvidos, como formas de pagamento, divisão de responsabilidades, etc?

Quais Ações são Recomendadas para quem Deseja abrir uma Pop-Up Store?

Assim como em qualquer área, quanto mais por dentro e bem informado você estiver, maiores as chances de dominar todos os meandros do seu negócio.

Portanto, procure saber quais eventos que tenham lojas temporárias no modelo Pop_up Store estão para ocorrer e participe do maior número deles que conseguir.

Dessa forma você poderá avaliar como as diferentes marcas e nichos se comportam nesse formato de loja.

Tenha em mente o que você oferece para o mercado e se isso cabe em alguma época específica do ano onde a demanda poderia ser maior.

Caso não haja um período específico para seu nicho, use e abuse das sazonalidades ou datas especiais como:

  • Natal;
  • Dias das Mães;
  • Dia dos Namorados…

Outra opção muito inteligente é abrir sua loja em locais movimentados em cidades turísticas, como praias, no verão, ou estações de inverno por exemplo;

Conclusão: Pop_up Store vieram para ficar

pop up store florista

Mesmo que um mundo pós pandemia tenha exaltado o poder dos e-commerces, nunca subestime a necessidade dos seres humanos em contato físico.

Portanto, saiba que lojas físicas, ou espaços físicos onde os consumidores poderão ter experiências reais e sensoriais com produtos. Além de verem e serem vistos por outras pessoas, ainda estão em seu auge.

E, o modelo de pop-up store ainda vai lhe permitir a agilidade necessária de seguir o fluxo das aglomerações, afinal de contas, compras por impulso ainda estão muito longe de acabar.

E, nada suscita mais o impulso por algo que você estar no lugar certo na hora certa.

Ficou alguma dúvida? Deixe seu comentário e terei o maior prazer em responder.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.