Coaching

Como Formar Equipes Empreendedoras Dentro de Sua Empresa - Descubra o Passo a Passo Aqui

Leandro Mantelli
Escrito por Leandro Mantelli
Comece a montar sua primeira peça para o sucesso

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Como formar um time afinado com a visão do empreendedor? Claro que não é tarefa fácil, mas formar uma boa equipe é fundamental para garantir a construção de um grande negócio.

Abaixo damos o caminho das pedras de como Formar Equipes Empreendedoras Dentro de Sua Empresa.

como formar equipes empreendedoras
Equipes empreendedoras “pegam junto” para o sucesso de uma empresa

Indicado para empresas em fase de pré-lançamento, e também para renovação de equipe de organizações já existentes.

A questão é achar as pessoas certas para os lugares certos, e refletir sobre a visão de mundo desses funcionários e os atributos que eles devem apresentar para se ajustarem à personalidade da marca/empresa.

Leitura Recomendada: Curso ensina como criar seu negócio online passo a passo, do zero ao lucro.

O Colaborador “lucro”

A Formação de Equipes Empreendedoras começa pela compreensão da necessidade de atrair pessoas com comportamentos mais empreendedores.

Dada a limitação de recursos característica do estágio nascente de qualquer negócio, tudo de que o empreendedor não precisa é o empregado “despesa”, mas sim de um colaborador “lucro”, aquele que contribui proativa e criativamente para os resultados do negócio.

Aliás, es estiver pensando em maneiras de aumentar o lucro da sua empresa, tenho um artigo sobre isso aqui no blog.

Grandes Propósitos

É até possível formar grandes equipes em empresas de propósitos medíocres, mas seus membros se desmotivarão rapidamente.

Se sua empresa desaparecesse, o que o mundo perderia?

guia negócio online

E-book Gratuito: Como Criar Seu Negócio Online do Zero! Passo a Passo

Nele você aprende em detalhes o que funciona hoje para ter seu negócio online, mesmo que você seja iniciante e não tenha conhecimento nenhum.

Se a resposta dos seus colaboradores for “nada”, preocupe-se com a missão e a visão do seu negócio. Seus colaboradores não entenderam a mensagem e você tem um problema.

Ou ela inexiste ou é medíocre, e você continuará tendo o problema.

As pessoas certas nos lugares certos

Cabe ao empreendedor primeiro refletir sobre os “lugares certos” que serão ocupados pelas “pessoas certas”. Nesta situação, estes lugares dizem respeito às funções críticas para o sucesso do negócio.

A evolução do negócio implicará novas funções chave que serão desdobradas de vender e produzir. Além disso, crescerá a necessidade de ter as pessoas certas para administrar o crescimento da empresa.

Visão de Mundo

Não se trata de formar um exército de robôs que agem de forma programada. Mas é importante reunir pessoas que acreditam e vivenciam as mesmas crenças e atitudes que a empresa.

Cada empresa, uma pessoa

Se estiver convicto dos quatro elementos anteriores, você tenderá a formar uma equipe empreendedora e, assim, seu negócio terá mais chance de deslanchar, se comparado às empresas nascentes com a tradicional filosofia de um dono e seus empregados.

Para selecionar as pessoas “certas”, o conceito de brand character, utilizado no marketing, pode ser útil.

MAIS ALGUMAS DICAS

Contribuidor “lucro” e o lucro em si

Em alguns negócios nascentes, os resultados esperados do colaborador podem não estar diretamente relacionados com os fatores geradores do lucro em si.

Pense grande

Pensar grande dá o mesmo trabalho que pensar pequeno. E grande não só no tamanho da empresa, mas também na dimensão dos benefícios dos seus produtos e serviços.

É fato que nem sempre grandes empresas começaram com grandes propósitos.

Funções críticas para o sucesso do negócio

Todas as empresas têm funções críticas para o sucesso do negócio. Para uma empresa nascente, estas funções se resumem a vender e entregar.

Empreendedores solitários e com limitações de recursos tendem a fazer as duas coisas e por esta razão trabalhar longas jornadas.

Quase sempre irão executar uma função melhor do que a outra.

Um sócio ou colaborador que aposte no grande propósito do negócio pode contribuir na melhoria das vendas ou da qualidade da entrega.

O desafio para o empreendedor é perceber quais são estas funções e como encontrar a pessoa certa para executá-las.

Equipe Desmotivada? Promova Ações de Incentivo

De acordo com o artigo da eDools31% dos trabalhadores estão acomodados no emprego e não têm incentivo algum para mudar.

Para reverter esse quadro, as empresas estão adotando a prática das ações de incentivo.

Já imaginou ser convidado para uma festa exclusiva no Parque da Disney e ainda dançar na pista com o Mickey e seus amigos?

Ser premiado num estádio olímpico grego? Ou mesmo participar de uma comemoração por metas batidas no meio do deserto de Dubai?

“Isso é pura motivação na veia”, segundo Marcello Larrat – diretor da empresa que leva o seu sobrenome e que em 2012, realizou a façanha de fechar o Louvre, museu mais importante do mundo, para uma festa exclusiva.

O local foi palco da premiação de uma campanha motivacional “Você Conquista 2011”, desenvolvida por um de seus clientes, para premiar funcionários de uma empresa de combustíveis, levando quase mil revendedores e seus acompanhantes à Paris.

Com a concorrência cada vez mais acirrada e as metas cada vez mais arrojadas, as empresas optam pelas campanhas motivacionais para formar equipes empreendedoras e incentivá-las a atingir metas e resultados esperados.

Afinal, investir e valorizar o trabalho dos colaboradores são receitas indispensáveis para motivar e manter bons resultados.

Uma campanha de incentivo, motiva os colaboradores principalmente quando envolve prêmios, viagens, bônus, ou qualquer tipo de premiação que possua um valor agregado.

A premiação em valores é uma alternativa, mas os colaboradores hoje buscam algo que o dinheiro não paga: bem-estar.

O profissional preza também pela sofisticação dos prêmios, aliado à criatividade na produção dos eventos.

“É preciso preocupar-se não só com o rendimento, mas também com a motivação interna”, diz Larrat.

Segundo pesquisa desenvolvida pela Catho, o bom relacionamento com os colegas no ambiente de trabalho é o item mais motivador para o trabalhador, seguido pelo reconhecimento como bom profissional pela chefia e fazer o que gosta.

Segundo Marcello Larrat, as ações motivacionais variam de acordo com a meta e o setor de atuação. Nas áreas de vendas, por exemplo, é comum os prêmios serem oferecidos em bens materiais.

Já quem atua em cargos executivos, favorece o prestígio, como estar em um grupo seleto, vivenciando experiências especiais em uma viagem exclusiva.

Como Formar Equipes Empreendedoras Conclusão

O tempo de ser o “chefe mandão” ficou no passado. Isso não significa que não deva existir uma hierarquia clara em sua empresa.

chefe mandão no estilo antigo
Chefe Mandão? Esse tempo já passou

Porém, o papel de um líder admirado é muito mais auxiliar sua equipe à se desenvolver, do que apenas ditar ordens.

Independente de sua equipe estar presencialmente em sua sede, ou ser uma equipe remota, você precisa ser o guia que mostra o caminho, mas deixar o espaço para sua equipe decidir qual o melhor caminho para chegar lá.

Por Marcelo Nakagawa, professor e coordenador do Centro de Empreendedorismo do Insper.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.